terça-feira, 22 de dezembro de 2009

"Glühwein" (vinho quente)


"Glühwein" (vinho quente)



Alemanha

Receita de Natal alemã

Ingredientes

  • 1 litro de vinho tinto seco

  • 1 limão biológico

  • 2 paus de canela

  • 3 cravinhos

  • 3 colheres de sopa de açúcar, eventualmente um pouco de cardamomo

Modo de preparação

  1. Aquecer o vinho tinto.
  2. Cortar o limão em tiras.
  3. Juntar a canela, os cravinhos, o cardamomo e o açúcar ao vinho tinto quente.
  4. Aquecer aproximadamente 5 minutos e depois retirar do lume.
  5. Deixar ficar tapado durante 1 hora.
  6. Antes de servir, voltar a aquecer e passar por um coador.

O "Glühwein" liga muito bem com convívio com familiares e amigos.

domingo, 20 de dezembro de 2009

Fim-de-semana

Estou oficialmente de fim-de-semana! E adivinha-se uma tempestade. Para ajudar o carro está na oficina por isso vou ficar fechada em casa!

terça-feira, 15 de dezembro de 2009

quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

STUTTGART

Hoje estive lá outra vez...


Incrível. Estava a ver as notícias e fico a saber que VFB STUTTGART passaram aos oitavos de final da liga dos campeões.


Stuttgart deve estar lindíssima. Mercado de Natal, Glühwein, a árvore de Natal...




Saudades?



Muitas,





a toda a hora,







para sempre...

Folga

Hoje estou de folga! Mas tenho a dizer que o último fim-de-semana foi muito cansativo. Trabalhei Sábado e Domingo, Segunda folguei, trabalhei Terça e folgo hoje novamente. Felizes daqueles a quem o trabalho proporcionou não só o fim-de-semana e o feriado como também um dia de tolerância. Dá 4 dias para se fazer o que se quer e o que se precisa. Eu tenho tanta coisa para fazer do Mestrado e falta-me tanto tempo!
Para ajudar, o Pi está a trabalhar cada vez mais horas, resultado.... Não tenho grande ajuda na confecção de refeições e compras. O que me tira ainda mais TEMPO! Felizmente o Pi faz grandes esforços, mesmo saindo prejudicado no seu descanso. Se não fosse assim o que seria de mim?
Agradeço todos os dias o namorado que tenho. E para quem o conhece sabe que tenho razão.
Love You Mr. Pi

domingo, 29 de novembro de 2009

Estou farta

Chuva







Chuva






e







mais





CHUVA



Quando é que vem o Verão???

Tenho frio e estou farta de chuva

sábado, 21 de novembro de 2009

Chove lá fora

Na rua cai água sem parar. Parece que é normal, se pensarmos que estamos no Outono.
Cá dentro estou rodeada de imagens do Castelo de Leiria, imagens interessantes e que nos ajudam a pensar o castelo de outra forma. Ajudam a pensar no porquê de uma obra de tal envergadura estar, praticamente, deixada ao abandono, sem manifestações culturais, artísticas ou de animação.

Comigo surgem várias ideias e pensamentos, pensamentos acerca da minha vida e da sua organização. Tenho tanto para fazer e tão pouco tempo disponível. Será que deveria abandonar algumas actividades para me dedicar à séria ao mestrado? Talvez isso tenha de vir a acontecer mais tarde ou mais cedo. É pena, gosto mesmo de poder ir aos ensaios e de poder representar, tal como fiz ontem apesar de não ter corrido lá muito bem.
Gosto também muito da partilha e da própria boa disposição que nos envolve a todas na prática da ginástica. Mas será que vou ter força para continuar com tudo isto?

O problema é que sinto que o mestrado está a ficar de lado, não tenho tempo para pesquisar e para fazer os trabalhos. Costuma-se dizer que quem quer tocar muitos burros algum tem de ficar para traz. Prometo então a mim mesma que vou levar o do mestrado à frente, com toda a atenção e dedicação. Por falar nisso, tenho de ir estudar...

domingo, 8 de novembro de 2009

Noite de fados nas Fontes



Muito bom.
A comidinha estava óptima.
Sangria da boa feita pela moquina.
e uma música fantástica que me embalou o coração.

Boa iniciativa, parabéns Associação da Nascente do lis, vulgo, clube das Fontes

domingo, 25 de outubro de 2009

Domingos

Porque é que tem de se trabalhar aos Domingos?
Sim, eu sei, há sempre pessoas que trabalham aos Domingos como médicos, enfermeiros, restaurantes, transportes públicos e muitos outros.
Mas será que eles são compensados monetariamente por isso? E será que é suficiente para abdicar de um bom Domingo em família?
Pois, talvez sejam...
No meu caso não é nada assim, e é por isso que não gosto de trabalhar aos Domingos, Sábados e feriados! Mas lá terá que ser. Vou acabar de preparar-me e vou trabalhar!

BOM DOMINGO para todos!

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Esta noite sonhei...

Sonhei com um sítio de que sinto muitas saudades...
Esta noite fui a um lugar fantástico e estive com pessoas fantásticas.
Pessoas que, tal como eu, iniciavam uma aventura em terras desconhecidas.
Esta noite fui a Stuttgart, estava lá a trabalhar, a viver... E não era uma simples recordação, era uma imagem diferente de tudo aquilo que por lá vivi....
Será um sonho que está a prever o futuro?
Seria bom acreditar nisso tendo em conta que tinha lá tudo o que precisava. O Filipe, os meus amigos e um trabalho de que eu gostava muito.

É sempre bom acordar com esta sensação de felicidade.

sábado, 17 de outubro de 2009

Início de uma nova etapa

Pois é...
Já iniciei o Mestrado.

Parece-me que vai ser uma boa forma de aprender, aprender muito. Somos todos de área diferentes, deste a Educação Física, Enfermagem, Serviço Social, Educação Social, Artes, Fisioterapia... Todos com uma vivência diferente dos idosos, das suas representações e das suas potencialidades.

Será com toda a certeza a oportunidade de criar novas amizades, novas redes e novos serviços para a população com quem queremos trabalhar.

Foi também uma forma de reencontrar outras pessoas, de ter a oportunidade de as conhecer melhor e de aprender com elas e com o trabalho que têm desenvolvido.

Vai ser um ano e meio longo, cansativo mas de certeza que muito produtivo.

Acima de tudo, espero depois poder aplicar tudo isto no meu local de trabalho e ter assim a oportunidade de desenvolver projectos na minha área académica e na área de intervenção com os idosos.

terça-feira, 13 de outubro de 2009

Jantarada do Mosteirinho

Hoje é dia de Jantarada do Mosteirinho e das 4 Chagas e seus anexos!
Onde??? Na Tasca D. Maria em Porto de Mós!
A noite promete...
Mal posso esperar pelo fantástico queijinho fresco e pela maravilhosa salada de tomate. O problema vão ser as batatas fritas! :)

sábado, 19 de setembro de 2009

Hoje aconteceu-me uma coisa muito estranha...

Estava a trabalhar e tinha uma visita guiada.

Como de costume, enquanto as pessoas viam o filme fui dando umas olhadelas nos apontamentos para relembrar as coisas.

Depois do filme fomos para o 2º andar para começar a visita. Coloquei-me no local do costume e aguardei. Acho que estava à espera que alguém falasse. Depois é que me dei conta de que estavam a olhar para mim, à espera que eu falasse...

Respirei fundo e lá comecei. Com a sensação que não sabia o que dizer. Nunca tal me tinha acontecido.

Entretanto as crianças que estavam com os pais começaram a ficar impacientes. Cada vez era mais difícil atrair as atenções para o que queria falar e mostrar. Mas lá fui tentando, falando apenas das coisas que me pareciam mais importantes.

No fim disseram-me que tinha estado muito melhor do que da última vez. Estranho, não era nada disso que eu estava a sentir.

Agora, pensando bem nisso, acho que estava descontraída, as coisas saíam fluídas... Como se a história fizesse parte da minha própria história.

Estou feliz por ter sido elogiada, por me dizerem que estava a fazer um bom trabalho.

É por estas razões que gosto de trabalhar aqui. Pelo contacto com diferentes pessoas e pela possibilidade que me dão, todos os dias, de crescer como pessoa.
Obrigada às minhas amigas e colegas da Casa-Museu! Por me ensinarem tantas coisas. Por me ajudarem a crescer e a ser uma pessoa melhor. Com mais paciência e mais compreensão.

domingo, 13 de setembro de 2009

Será que o facebook está a roubar o lugar ao Blog

É bem possível que sim.
Isto porque tudo o que ponho no blog vai parar ao facebook, e talvez este seja mais acessível e mais imediato a dar a informação. De qualquer forma não vou deixar de usar o blog. É aqui que vou vendo as novidades dos meus amigos blogistas, ou blogueiros, se preferirem...

De qualquer forma, quem vir esta nota no facebook favor ir a www.sassirenata.blogspot.com.
Obrigada

sábado, 12 de setembro de 2009

Stuttgart


Sim, é verdade que os seis meses que passei em Stuttgart foram fantásticos, inesquecíveis. Apesar de que quando estava lá sentia muita falta do que tinha deixado em Portugal.
Mas hoje estava a pensar: "Será que as pessoas acham que estou sempre a falar disso só para me armar em boa?"
Nada disso.
Sim, é muito raro que não surja uma frase do tipo: "Lá na Alemanha fazia isto, acontecia aquilo, havia sempre uma forma de..."

Mete nervos? Confesso que sim, agora que penso nisso.
A minha irmã há dias perguntava: "Tudo o que te aconteceu foi na Alemanha? Tás sempre a dar exemplos de lá!"

Hoje de manhã estava a pensar em vinhos (algo perigoso para umas 9 horas da manhã). Será que compensa engarrafar vinho? E depois? Vendê-lo ou dá-lo a amigos. Uma bela prenda. Mas havia um sítio onde podíamos ir e pedir um rótulo de vinhos personalizado... Onde era isso??? Ooop's, é na Alemanha. Outra vez na Alemanha. Eu não tenho a culpa, está bem?

É mais forte do que eu, não é por mal, muito menos para me armar. Desculpem se já vos incomodei alguma vez com estas minhas histórias. Tal só acontece porque fiquei apaixonada por Stuttgart, se me tivessem visitado teriam percebido. Se puderem, dêem lá um saltinho e aproveitam o que aquela cidade tem para oferecer.
Amigos muito mais além, eu sei que vocês me compreendem.


É verdade, já nasceu mais um bebé muito mais além! Pedro, parabéns pela Mia, ela é linda!

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

09/09/09

Sem dúvida, uma data especialmente engraçada.

Aproveito para dar os Parabéns à Alexandra e a Lília.

E um feliz 9 para todos!

terça-feira, 8 de setembro de 2009

sim... mestre! ^0^

É verdade, meus amiguinhos. Decidi inscrever-me num mestrado.
Agora estou à espera do dia 22 de Setembro para saber se fui aceite.

Há quem diga que é mais fácil entrar do que sair...

Vamos lá a ver até onde esta aventura me irá levar.

Os últimos anos da minha vida tens sido marcados por mudanças nesta altura de início de Outono.
A ida para a Escola Comercial.
O meu primeiro namorado.
A ida para o Liceu.
A ida para Coimbra para o Miguel Torga
O Convento Santa Maria da Vitória
A ida para Stuttgart

Depois do dia 22, novas e fresquinhas novidades.

Espero poder dizer:
o início do mestrado...

domingo, 30 de agosto de 2009

Aquele Querido Mês de Agosto

Confesso....
Sou fã incondicional das terras e aldeias que ilustram este filme. Talvez por isso tenha mesmo querido vê-lo.
Infelizmente em Leiria não se dá muita importância à produção nacional e aos chamados filmes alternativos. O filme esteve por cá mas durante a semana e com sessões às 18h30. Uma vergonha, por assim dizer...
Felizmente, ontem na RTP2 passou este filme. Já numas horas avançadas (22:30) mas valeu a pena o esforço de ficar acordada até à 1 da manhã. O filme é fantástico tendo em conta as paisagem e a ilustração do nosso Portugal. Festas e mais festas na aldeia, bailaricos, emigrantes, jogo do prego and so on. Para quem nunca viu aconselho. Um filme português, longe daqueles que se dizem filmes comerciais. Um filme digno dos prémios e das nomeações de que foi alvo.






ano: 2008
› estreia nacional: 21 de Agosto de 2008
(#14 na 1ª semana)

país: Portugal
género: Romance
distribuidora: O Som e a Fúria

realização
Miguel Gomes

intérpretes
Sónia Bandeira, Fábio Oliveira, Joaquim Carvalho

sinopse
No coração de Portugal, serrano, o mês de Agosto multiplica os populares e as actividades. Regressam à terra, lançam foguetes, controlam fogos, cantam karaoke, atiram-se da ponte, caçam javalis, bebem cerveja, fazem filhos. Se o realizador e a equipa do filme tivessem ido directamente ao assunto, resistindo aos
bailaricos, reduzir-se-ia a sinopse: «Aquele Querido Mês de Agosto acompanha as relações sentimentais entre pai, filha e o primo desta, músicos numa banda de baile». Amor e música, portanto.


blogs

Crítica - Aquele Querido Mês de Agosto
O melhor filme português desde "Alice". Pelo menos para mim não houve mais nenhum que me fizesse sacrificar o dinheiro do bilhete para o ver. Merece ser visto e projectado em muitas salas.”
portalcinema.blogspot.com/2008/09/aquele-querid..., 3/Set/2008

terça-feira, 25 de agosto de 2009

Finalmente as fotos do piquenique

White t-shirt party dos primaços SILVA & Com.

Quase todos... Só faltava uma. Eramos 15 primos, a priminha, 4 anexos, 4 pais (tios) (infiltrados).

Repasto:

SANGRIA da boa made by Joana

Bôla

Frango & Entrecosto

Bolos

pudim maravilha

fruta

BOA DISPOSIÇÃO

BRINCADEIRAS

PRAIA

P.S. - A Organização do próximo White T-shirt party vai ser minha, já está marcado, só falta escolher o sítio. Estavamos a pensar o Canadá, que dizem?

sexta-feira, 21 de agosto de 2009

terça-feira, 11 de agosto de 2009

Será que não dá para juntar as duas coisas?

Foi provado, após acompanhamento de vários casos, que todas as mulheres precisam de dois homens: um em casa e outro fora de casa.

Para entender, é muito simples:

O marido cuida da parte financeira, paga as contas dos filhos, da esposa e da casa.

O outro cuida de ti.

O marido fala dos problemas, das contas a pagar, das dificuldades do dia.

O outro fala da saudade que sentiu de ti durante a tua ausência.

O marido compra uma roupa nova para ir a um compromisso de trabalho.

O outro tira essa mesma roupa só para ti.

O marido dorme com aquela camisola velha e de cuecas (as vezes até de meias).

O outro dorme completamente nu, abraçadinho a ti.

O marido reclama das coisas que tem que consertar em casa.

O outro recebe-te no apartamento onde tudo funciona perfeitamente.

O marido telefona para casa a perguntar o que tem que comprar no talho, no supermercado, na padaria e etc.

O outro telefona só para dizer que comprou um champanhe que vais adorar.

O marido reclama do patrão, do trabalho, do cansaço de acordar cedo.

O outro reclama a tua ausência e os dias que fica sem te ver.

Bem, vais perguntar: - Por que não trocar o marido pelo amante?

Pelo simples facto de que o amante, se for viver contigo, passará para o papel de marido e logo, logo, terás de encontrar outro.

Conselho útil:

Não sejas egoísta guardando este texto apenas para ti. Existe uma maldição que caso ele não seja transmitido a pelo menos cinco amigas, em 10 minutos, ficarás só.

domingo, 9 de agosto de 2009

O Amor é:

«Quando a minha avó ficou com artrite, não se podia dobrar para pintar as unhas dos dedos dos pés. Portanto o meu avô faz sempre isso por ela, mesmo quando apanhou, também, artrite nas mãos. Isso é o amor.»
Rebeca, 8 anos

«Quando alguém te ama, a maneira como pronuncia o teu nome é diferente. Tu sentes que o teu nome está seguro na boca dessa pessoa.»
Billy, 4 anos

«O amor é quando uma rapariga põe perfume e um rapaz põe colónia da barba e vão sair e se cheiram um ao outro.»
Karl, 5 anos

«O amor é quando vais comer fora e dás grande parte das tuas batatas fritas a alguém, sem a obrigares a darem-te das dele.»
Chrissy, 6 anos

«O amor é o que te faz sorrir quando estás cansado.»
Terri, 4 anos

«O amor é quando a minha mamã faz café ao meu papá e bebe um golinho antes de lho dar, para ter a certeza de que o sabor está bom.»
Danny, 7 anos

«O amor é estar sempre a dar beijinhos. E, depois, quando já estás cansado dos beijinhos, ainda queres estar ao pé daquela pessoa e falar com ela. O meu pai e a minha mãe são assim.»

Emily, 8 anos

«O amor é aquilo que está contigo na sala, no Natal, se parares de abrir os presentes e escutares com atenção.»
Bobby, 7 anos
«Se queres aprender mais sobre o amor, deves começar por um amigo que odeies.»
Nikka, 6 anos

«O amor é quando dizes a um rapaz que gostas da camisa dele e, depois, ele usa-a todos os dias.»
Noelle, 7 anos

«O amor é quando um velhinho e uma velhinha ainda são amigos, mesmo depois de se conhecerem muito bem.»
Tommy, 6 anos

«Durante o meu recital de piano, eu estava no palco e sentia-me apavorada. Olhei para todas as pessoas que estavam a olhar para mim, e reparei no meu pai que estava a acenar-me e a sorrir. Era a única pessoa a fazer aquilo. O medo desapareceu»
Cindy, 8 anos

«A minha mãe ama-me mais do que ninguém. Não vês mais ninguém a dar-me beijinhos para dormir.»
Clare, 6 anos

«Amor é quando a mamã dá ao papá o melhor pedaço da galinha.»
Elaine, 5 anos

«Amor é quando a mamã vê o papá bem cheiroso e arranjadinho e diz que ele ainda é mais bonito do que o Robert Redford.»
Chris, 7 anos

«Amor é quando o teu cãozinho te lambe a cara toda, apesar de o teres deixado sozinho todo o dia .»
Mary Ann, 4 anos

«Eu sei que a minha irmã mais velha me ama, porque me dá todas as roupas usadas e tem de ir comprar outras.»
Lauren, 4 anos

«Quando amas alguém, as tuas pestanas andam para cima e para baixo e saem estrelinhas de ti.»
Karen, 7 anos

«Amor é quando a mamã vê o papá na casa de banho e não acha isso indecente.»
Mark, 6 anos

«Nunca devemos dizer 'Amo-te', a menos que seja mesmo verdade. Mas se é mesmo verdade, devemos dizer muitas vezes. As pessoas esquecem-se .»
Jessica, 8 anos

E a última? O autor e conferencista Leo Buscaglia falou de um concurso em que ele teve de ser júri. O objectivo era encontrar a criança mais cuidadosa.
A vencedor foi um rapazinho de quatro anos, cujo vizinho era um velhote que perdera recentemente a sua esposa. Depois de ter visto o senhor a chorar, o menino foi ao quintal do velhote, subiu para o seu colo e sentou-se. Quando a mãe perguntou o que dissera ao vizinho, o rapazinho disse:

"Nada, só o ajudei a chorar".

quarta-feira, 5 de agosto de 2009

Estou bem, não se preocupem

Estamos bem... De repente tão mal...
A vida é demasiado sensível e curta para podermos dar-nos ao luxo de "brincarmos" com ela.
Decididamente não estou preparada para lidar com a morte, com acidentes, com ferimentos...
Cada vez que penso nisso os meus olhos enchem-se de lágrimas. Como é que de repente tudo podia ter terminado. Daquela forma tão brusca, tão violenta.
Não estou preparada para deixar de ter a minha família perto de mim. Mesmo que estejamos sempre a discutir e que a nossa forma de pensar na vida seja completamente diferente não me consigo imaginar sem eles, os meus irmãos, os meus pais, os meus avós e toda a minha família.

Preciso de todos vós e nem sequer consigo pensar na minha vida sem vocês.

Felizmente tudo está bem, não houve grandes ferimentos. Mas não consigo esquecer aquela abraço que demos e aquelas palavras que nos disseste ao ouvido.

Vê se arranjas um pedacinho de juízo que o meu coração continua apertadinho, dorido, em sobressalto. Não sei se consigo enfrentar outro aperto assim.
Adoro-te

quinta-feira, 30 de julho de 2009

quinta-feira, 9 de julho de 2009


Um médico estava a fazer a sua caminhada matinal quando viu esta velhinha sentada no degrau da sua varanda fumando um cigarro. Curioso, ele foi até ela e perguntou:

"Não pude deixar de notar como a senhora parece feliz! Qual é o seu segredo?"

"Eu fumo 20 cigarros por dia" respondeu. "Antes de ir pra cama eu fumo um grande charro, bebo uma garrafa de Jack Daniels por semana e só como porcarias. No fim de semana, tomo pílulas, faço sexo e não faço nenhum exercício físico"

O médico espantando: "Isso é extraordinário! Quantos anos a senhora tem?"

"Trinta e quatro" respondeu.

sexta-feira, 3 de julho de 2009

terça-feira, 30 de junho de 2009

Que se lixe a vesícula

Eu Quero Este Médico!

O Dr. Paulo Ubirtan, de Porto Alegre, RS, em entrevista a uma TV local, foi questionado sobre vários conselhos que sempre nos são dados...
Pergunta: Exercícios cardiovasculares prolongam a vida, é verdade?

Resposta: O seu coração foi feito para bater por uma quantidade de vezes e só... não desperdice essas batidas em exercícios. Tudo gasta-se eventualmente. Acelerar seu coração não vai fazer você viver mais: isso é como dizer que você pode prolongar a vida do seu carro dirigindo mais depressa. Quer viver mais? Tire uma soneca !!!

P: Devo cortar a carne vermelha e comer mais frutas e vegetais?

R: Você precisa entender a logística da eficiência... .O que a vaca come? Feno e milho. O que é isso? Vegetal. Então um bife nada mais é do que um mecanismo eficiente de colocar vegetais no seu sistema.
Precisa de grãos? Coma frango.

P: Devo reduzir o consumo de álcool?

R: De jeito nenhum. Vinho é feito de fruta. Brandy é um vinho
destilado, o que significa que, eles tiram a água da fruta de modo que vc tire maior proveito dela. Cerveja também é feita de grãos. Pode entornar!

P: Quais são as vantagens de um programa regular de exercícios?

R: Minha filosofia é: Se não tem dor...tá bom!

P: Frituras são prejudiciais?

R: VOCÊ NÃO ESTÁ ME ESCUTANDO!!! ... Hoje em dia a comida é frita em óleo vegetal. Na verdade ficam impregnadas de óleo vegetal. Como pode mais vegetal ser prejudicial para você?

P: Flexões ajudam a reduzir a gordura?

R: Absolutamente não! Exercitar um músculo faz apenas com que ele aumente de tamanho.

P: Chocolate faz mal?
R: Tá maluco? !!!! Cacau!!!! Outro vegetal!! É uma comida boa pra se ficar feliz !!!

E lembre-se:
A vida não deve ser uma viagem para o túmulo, com a intenção de chegar lá são e salvo, com um corpo atraente e bem preservado. Melhor enfiar o pé na jaca - Cerveja em uma mão, tira-gosto na outra, muito sexo e um corpo completamente gasto, totalmente usado, gritando:
VALEU !!! QUE VIAGEM!!!

P S: SE CAMINHAR FOSSE SAUDÁVEL, O CARTEIRO SERIA IMORTAL...!

segunda-feira, 29 de junho de 2009

Obrigada

Estou muito agradecida de todos os meus amigos que se lembraram de mim neste dia especial.
Obrigada aqueles que estão longe mas que não se esqueceram.
Obrigada a todos os que fizeram um esforço para ir à minha festa.
Obrigada a todos que não puderam ir mas que, ao mesmo tempo, estiveram lá no meu coração porque a sua amizade é mais forte que tudo o resto.
Obrigada pelas prendinhas. Algumas delas mais altas que eu como a "plantinha" (eu sei que não é preciso muito). Outras especiais e que eu já andava a namorar à algum tempo como o bule e as chávenas e o galheteiro. O livro Marley and me. A forma das torradas Hello Kitty e o porta moedas. A toalha para a minha mesa gigante, o livro que ensina a ser boa mãe (não entendi), o jogo de cartas da guilhotina, a entrada para o VIP no Cinema City, a mala rosa + lenço + pulseira, a camisola roxa... Acho que não me esqueci de nada.
Obrigada por se terem deixado convencer em ir à mostra indiana na 6ª feira.
Obrigada por terem ficado até bem tarde apenas na conversa. E que belas conversas.
Obrigada por terem esperado até aquela bela hora para poderem jantar.

OBRIGADA ADORO-VÓS

que fixe

Aqui

terça-feira, 23 de junho de 2009

Por que é que as mulheres demoram tanto tempo quando vão à casa de banho? A resposta a um grande mistério...

O grande segredo de todas as mulheres a respeito da casa de banho é que, quando eras pequenina, a tua mamã levava-te à casa de banho, ensinava-te a limpar o tampo da sanita com papel higiénico e depois punha tiras de papel cuidadosamente no perímetro da sanita. (coisa que não protege de nada)


Finalmente instruía-te: "nunca, nunca te sentes numa casa de banho pública!"
E depois ensinava-te a "posição", que consiste em balançar-te sobre a sanita
numa posição de sentar-se sem que o teu corpo tenha contacto com o tampo.

"A Posição" é uma das primeiras lições de vida de uma menina, importante
e necessária, que nos acompanha para o resto da vida. Mas ainda hoje, nos
nossos anos de maioridade, "a posição" é dolorosamente difícil de manter,
sobretudo quando a tua bexiga está quase a rebentar.

Quando *TENS* de ir a uma casa de banho pública, encontras uma fila enorme
de mulheres que até parece que o Brad Pitt está lá dentro. Por isso,
resignas-te a esperar, sorrindo amavelmente para as outras mulheres que
também cruzam as pernas e os braços, discretamente, na posição oficial de
"tou aqui tou-me a mijar!".

Finalmente é a tua vez! E chega a típica "mãe com a menina que não aguenta
mais" (a minha filhota já não aguenta mais, desculpe, vou passar à frente,
que pena!). Então verificas por baixo de cada cubículo para ver se não há
pernas. Estão todos ocupados.

Finalmente, abre-se um e lanças-te lá para dentro, quase derrubando a pessoa
que ainda está a sair.

Entras e vês que a fechadura está estragada (está sempre!); não importa...
Penduras a mala no gancho que há na porta... QUAAAAAL? Nunca há gancho!!
Inspeccionas a zona, o chão está cheio de líquidos indefinidos e fétidos, e
não te atreves a pousá-la lá, por isso penduras a mala no pescoço enquanto
vês como balança debaixo de ti, sem contar que a alça te desarticula o
pescoço, porque a mala está cheia de coisinhas que foste metendo lá para
dentro, durante 5 meses seguidos, e a maioria das quais não usas, mas que
tens no caso de...

Mas, voltando à porta... como não tinha fechadura, a única opção é segurá-la
com uma mão, enquanto com a outra baixas as calças num instante e pões-te
na dita "posição a três quartos"...

AAAAHHHHHH... finalmente, que alívio... mas é aí que as tuas coxas começam a
tremer... porque nisto tudo já estás suspensa no ar há dois minutos, com as
pernas flexionadas, as cuecas a cortarem-te a circulação das coxas, um braço
estendido a fazer força na porta e uma mala de 5 quilos a cortar-te o
pescoço!

Gostarias de te sentar, mas não tiveste tempo para limpar a sanita nem a
tapaste com papel; interiormente achas que não iria acontecer nada, mas a
voz da tua mãe faz eco na tua cabeça *"nunca te sentes numa sanita pública"*,
e então ficas na "posição de aguiazinha", com as pernas a tremer... e por uma
falha no cálculo de distâncias, um finííííssimo fio do jacto salpica-te e
molha-te até às meias!!

Com sorte não molhas os sapatos... é que adoptar "a posição" requer uma grande
concentração e perícia.

Para distanciar a tua mente dessa desgraça, procuras o rolo de papel
higiénico, maaaaaaaaaaas não hááááá!!! O suporte está vazio!

Então rezas aos céus para que, entre os 5 quilos de bugigangas que tens na
mala, pendurada ao pescoço, haja um miserável lenço de papel... mas para
procurar na tua mala tens de soltar a porta... ???? Duvidas um momento, mas
não tens outro remédio. E quando soltas a porta, alguém a empurra, dá-te uma
trolitada na cabeça que te deixa meio desorientada mas rapidamente tens de
travá-la com um movimento rápido e brusco enquanto gritas
OCUPAAAAAADOOOOOOOOO!!

E assim toda a gente que está à espera ouve a tua mensagem e já podes soltar
a porta sem medo, ninguém vai tentar abri-la de novo (nisso as mulheres têm
muito respeito umas pelas outras).

Encontras o lenço de papel!! Está todo enrugado, tipo um rolinho, mas não
importa, fazes tudo para esticá-lo; finalmente consegues e limpas-te. Mas o
lenço está tão velho e usado que já não absorve e molhas a mão toda; ou
seja, valeu-te de muito o esforço de desenrugar o maldito lenço só com uma
mão.

Ouves algures a voz de outra velha nas mesmas circunstâncias que tu "alguém
tem um pedacinho de papel a mais?" Parva! Idiota!


Sem contar com o galo da marrada da porta, o linchamento da alça da mala, o
suor que te corre pela testa, a mão a escorrer, a lembrança da tua mãe que
estaria envergonhadíssima se te visse assim... porque ela nunca tocou numa
sanita pública, porque, francamente, tu não sabes que doenças podes apanhar
ali, que até podes ficar grávida (lembram-se??).... Estás exausta! Quando
páras já não sentes as pernas, arranjas-te rapidíssimo e puxas o autoclismo
a fazer malabarismos com um pé, muito importante!

Depois lá vais pró lavatório. Está tudo cheio de agua (ou xixi? lembras-te
do lenço de papel...), então não podes soltar a mala nem durante um segundo,
pendura-la no teu ombro; não sabes como é que funciona a torneira com os
sensores automáticos, então tocas até te sair um jactozito de água fresca, e
consegues sabão, lavas-te numa posição do corcunda de Notre Dame para a mala
não resvalar e ficar debaixo da água.

Nem sequer usas o secador, é uma porcaria inútil, pelo que no fim secas as
mãos nas tuas calças - porque não vais gastar um lenço de papel para isso -
e sais...

Nesse momento vês o teu namorado, ou marido, que entrou e saiu da casa de
banho dos homens e ainda teve tempo para ler um livro de Jorge Luís Borges
enquanto te esperava.

"Mas por que é que demoraste tanto?" - pergunta-te o idiota.

"Havia uma fila enorme" - limitas-te a dizer.

E é esta a razão pela qual as mulheres vão em grupo à casa de banho, por
solidariedade: uma segura-te na mala e no casaco, a outra na porta e a outra
passa-te o lenço de papel debaixo da porta, e assim é muito mais fácil e
rápido, pois só tens de te concentrar em manter "a posição" e *a dignidade*.


*Obrigada a todas por me terem acompanhado alguma vez à casa de banho e
servir de cabide ou de agarra-portas! Passa isto aos desgraçados dos homens
que sempre perguntam "querida, por que motivo demoraste tanto tempo na casa
de banho?" .... IDIOTAS!*

quarta-feira, 17 de junho de 2009

Coisas que acontecem nas Fontes


Estive presente nas filmagens, por acaso tinha ido beber café à Associação das Fontes!

Ficou lindo


terça-feira, 16 de junho de 2009

Ir a Stuttgart

Para quem não conhece
Para quem gostava de lá voltar
Para quem esteve para lá ir mas ficou pelo caminho
Para quem quer ter umas férias diferenes
Para quem tem entre 18 e 30 anos e alguns dias de Julho disponíveis

Infelizmente estou a trabalhar, não vou poder ir!

Mais informações aqui


segunda-feira, 15 de junho de 2009

Casa do Cerro - sons e sabores do Mundo


Tal como prometi... a Casa do Cerro - sons e sabores do Mundo, em Albufeira

Ver aqui

Com uma decoração aproximadamente marroquina apresentou-se como um local agradável de passar algum tempo de qualidade.

Defeitos a apresentar:

Não servem chás a partir da meia noite (um erro tendo em conta que o seu estilo marroquino deveria ter essa situação salvaguardada)
Não têm grande oferta de chás e infusões
A música não era "tipicamente" mourisca e estava demasiado "alta"
Tem poucos lugares sentados disponíveis.
Cobram 5 € à entrada e ainda dizem que vai ficar mais caro com a desculpa de que depois a casa irá ficar mais composta (isso significa que não haverá lugares sentados)

Aspectos positivos:

As camas/sofás bastante confortáveis.
O refresco de menta que bebi.
A decoração, apesar de achar que ainda podem desenvolver alguns aspectos.
O DJ mostrar que estava mesmo a gostar do que estava a fazer.

Mais pertinho de Leiria


Férias...

Sim, o que eu precisava mesmo era de ir de férias.
Aproveitando os feriados, folgas e uns dias de férias rumámos direito ao reino dos Algarves.


Aproveitando o facto do Pi ainda ter Cartão Jovem, ficamos hospedados na Pousada da Juventude de Portimão com direito a desconto. Fica longe da praia mas há vários transportes públicos e tem uma piscina fantástica.

Como por magia, na quinta-feira encontramos os nossos amigos a R. e o A.. Conhecendo eles aquela zona foi muito mais fácil descobrir novos cantinhos, sítios especiais... Obrigada pelas visitas guiadas! :)
  • Adorei descobrir cantinhos nocturnos da praia da Rocha.
  • Nada como um bom passeio por Alvor.
  • Ida à Casa do Cerro - sons e sabores do mundo, em Albufeira (este terá direito a um post só para ele)

terça-feira, 9 de junho de 2009

Porquê?

Porquê é que toda a gente quer usufruir dos benefícios e diz que tem direito a isto e aquilo se no momento de assumir responsabilidades e cumprir com os deveres foge e se esconde em desculpas parvas e infundadas???

Mas porque é que tenho de ser eu a assumir a responsabilidade e a chatear-me por causa de coisas que nada têm a ver comigo?

Não é justo e não posso fazer nada para mudar. Isto porque não depende de mim mas sim da mudança de mentalidades dos outros.

Sim, estou chateada, furiosa... E o que mais me chateia é que vejo que ninguém quer saber. Ainda por cima eu é que sou a mazinha...

Será que ainda não perceberam que precisam mais de mim do que eu deles? O que é que me interessa se as coisas são bem ou mal feitas?? 

Eu não faço parte da economia familiar... 

Se calhar é por eu ser tão boa pessoa e tão boa filha que continuo a sacrificar-me a mim e à minha vida para os ajudar. Será assim tão difícil entender isto?

sexta-feira, 29 de maio de 2009

Peixinhos no Jardim

Esta foi a minha última criação.
Experiências com pasta de papel:

Peixinhos para fazer uma actividade no jardim baseada no Painel dos Pescadores. Quem não conhece fazer o favor de visitar a Casa-Museu João Soares, nas Cortes (Leiria)

terça-feira, 26 de maio de 2009

Retriever do Labrador

Para quem quer um mas não tem tempo para ele nem dinheirinho para o sustentar.

Aqui está uma forma fácil de o conseguir:




segunda-feira, 25 de maio de 2009

sexta-feira, 22 de maio de 2009

FELIZ

Hoje sou feliz, estou feliz, fizeram-me feliz e vou ficar ainda mais feliz!
  • é feriado em Leiria
  • já recebi o ordenado
  • vou estar com as minhas amigas no fim-de-semana
  • andava a sonhar com panos indianos por volta de uns 15 anos e finalmente já tenho. E tenho dois.
  • ontem fui jantar ao restaurante chinês e passear pela feira de Leiria
é tão fácil ser-se feliz!

terça-feira, 19 de maio de 2009

Fauna apresenta mais uma vez Staccato

Passa por aqui

Fauna apresenta Staccato
Praça Rodrigues Lobo, em Leiria, junto ao Martin & Thomas
Dia 4 de Junho
21:15

APARECE

segunda-feira, 18 de maio de 2009

domingo, 17 de maio de 2009

sábado, 16 de maio de 2009

Capicua


Capicua (origem catalão) ou Número Palíndromo é um número (ou conjunto de números) que lido da direita para a esquerda ou da esquerda para a direita é idêntico. O mesmo pode ser dito em relação a datas e as horas.

Será que agora posso pedir um desejo?


quando não há nada para fazer...

sexta-feira, 15 de maio de 2009

Never There

I need your arms around me
I need to feel your touch
I need your understanding
I need your love so much
You tell me that you love me so
You tell me that you care
But when I need you (baby)
Baby, you're never there
On the phone long, long distance
Always through such strong resistance
And first you say you're too busy
I wonder if you even miss me
Never there
You're never there
You're never ever ever there

Hey!

A golden bird that flies away
A candle's fickle flame
To think I held you yesterday
Your love was just a game

(x2)

You tell me that you love me so
You tell me that you care
But when I need you (baby)

Take the time to get to know me
If you want me why can't you just show me
We're always on this roller coaster
If you want me why can't you get closer
Never thereYou're never there
You're never ever, ever, ever, there

(2X)

HEY!




quarta-feira, 13 de maio de 2009

Gripe A vs. SIDA

IRONIA NO SEU MELHOR (OU NO SEU PIOR)

90 pessoas apanham a gripe Suina e toda a gente quer usar uma mascara.

Um milhão de pessoas tem SIDA e ninguém quer usar um preservativo

Enviado por CAL

Tia


Depois de ser 
Tia emprestada da Matilde!
Prima-tia da Laura!
Super-tia da Inês!
Amiga-tia da Ísis!

Sou agora TIA MUITO MAIS ALÉM!


Parabéns Filipa pelo teu Caetano, finalmente tenho um sobrinho!

segunda-feira, 11 de maio de 2009

amigos

Acho que tenho alguns. Até os considero de extrema boa qualidade...
Pena estarem longe. Alguns a muitos km's de distância. Outros perto geograficamente mas longe mentalmente e na sua disponibilidade. Sim porque às vezes estamos demasiados ocupados com o trabalho, com novos amigos, com outras actividades, com namorado/as novos/as, com bebés que vêm a caminho (já tinha falado dessa epidemia...), and so on.

Admito que nunca pensei que fosse possível sentir saudades destes amigos que estão geograficamente perto. Mas acreditem, é mesmo possível.

Claro, posso sempre ser eu a telefonar e combinar qualquer coisa. Fácil de falar, difícil de fazer. Nos últimos tempos e nos próximos tempos, acho que a única noite disponível é mesmo à 6ª feira. Não tá fácil... E depois conciliar essa disponibilidade com todos os amigos de que sinto saudades??? Só se fizer uma big party. Mas depois será que alguém ia aparece?

De qualquer forma quero deixar aqui uma mensagem a todos os meus amigos do coração:

"ADORO-VOS e tenho saudades vossas"

quinta-feira, 7 de maio de 2009

Lucky = mais uma viagem alucinante

Esta foi a primeira música que ouvi de manhã.
Foi o primeiro vídeoclip que vi hoje, porque a minha colega de trabalho também tinha ficado com a música no ouvido.


Quando dei por ela estava a dizer. "Olha, mas ele está em Stuttgart. Só pode. Está ali o anjo, e ali está o relógio da igreja. É Stuttgart de certeza."

Às vezes o nosso coração engana o nosso entendimento das coisas. Mas foi bom, por breves momentos, estar em Stuttgart. Mesmo que as imagens sejam da Roménia.

terça-feira, 5 de maio de 2009

Nova música portuguesa

Faz download gratuito aqui de:

Tiago Gomer & Tó Trips - "Vi-os desaparecer na noite"
The Pragmatic - "Circles"
Madame Godard - "Aurora"
Dj Ride - "Beat Journey"
The Bombazines -  "The Bombazines"
Tiguana Bibles - "Child of the Moon"


segunda-feira, 4 de maio de 2009

mulheres...

Sem duvida, uma das melhores análises da vida.
Nunca vi pensamento mais correcto! 

De génio!

"Aquilo que você der a uma mulher, ela vai tornar maior.  
Se você der o seu esperma, ela lhe dará um bebé.  
Se você lhe der uma casa, ela vai dar-lhe um lar.  
Se você lhe der compras de mercearia, ela vai dar-lhe uma refeição.
Se você lhe der um sorriso, ela vai dar-lhe o seu coração.  
Ela multiplica e amplia o que lhe é dado porque a mulher jamais lhe dará qualquer coisa sem receber primeiro de si. 
Portanto, se você lhe der qualquer porcaria, esteja preparado para receber uma tonelada de merda. "